Os onze mais valiosos em 2011/2012

Estes são para mim os onze mais regulares da temporada

Pode-se questionar a inclusão ali de Onyewu ou Polga, outros prefeririam Xandão, mas eu tive em consideração o número de jogos disputados em todas as competições, e aí Polga leva vantagem sobre todos os centrais (apesar dos 33 anos), já Onyewu foi decisivo em pelo menos 9 pontos conquistados pelo SCP, com os golos que apontou.

Poderíamos também colocar Izmailov, mas o que é certo é que em momentos decisivos, mais uma vez não podemos contar com o russo, devido a mais uma lesão, ou mais uma indisponibilidade física...
Escolhi Carrillo, não só por ter sido o suplente mais utilizado, embora tenha feito bastantes partidas a titular, mas também por ter sido importante em determinados momentos, apontando golos também eles decisivos, e por ter durado a temporada toda sem lesões, apesar das inúmeras entradas duras de que foi alvo, e por representar uma das melhores aquisições, se não a melhor (tendo em conta o preço/idade/qualidade), para esta temporada que agora termina.

Não havendo grande discussão acerca da maioria dos restantes, ainda há quem não goste muito de Elias, e eu não compreendo porquê. É um jogador decisivo na forma como trabalha ao longo dos 90 minutos, jogando sempre com grande intensidade e não sendo propriamente um sobre-dotado tecnicamente, é uma autêntica "formiguinha" no meio-campo, passando muitas vezes despercebido, mas a sua falta fez-se sentir em determinados momentos na Liga Europa, ausência essa disfarçada pelo bom período de Izmailov, e pela adaptação bem sucedida de Carriço, e principalmente na 2ª mão das meias-finais com o Bilbao, Elias fez muita falta.

Patrício, João Pereira, Insúa, Schaars, Matias (embora mais uma vez com muitos problemas físicos), Capel e Wolfswinkel, penso terem sido os homens com nota mais elevada ao longo de toda a temporada, e que deveriam continuar, assim o mercado o permita.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Algo de inimaginável há 3 anos atrás

MERCENÁRIOS, é a palavra acertada