quinta-feira, 2 de julho de 2015

Jorge Jesus inicia os trabalhos na Academia

O "Mestre da Táctica" realiza um sonho
Pode-se questionar o feitio, o estilo, o discurso e até as calinadas na língua de Camões, mas quando se trata de falar de futebol e a linguagem gestual dentro das quatro linhas, o Jorge é Mestre.

Tive sempre o cuidado de respeitar o homem, mesmo durante os 6 anos em que esteve do lado de lá, e nunca escondi que gostaria de ver este treinador um dia treinar o meu Sporting e o seu Sporting.

Se fizermos um apanhado das vezes em que JJ falou do Sporting nas últimas épocas, sempre o fez em tom elogioso, e sempre procurou nunca atacar quem quer que fosse do Universo Leonino. Até aquele episódio do "limpinho, limpinho..." foi também demasiado empolado e aproveitado por muita gente para ver aquilo como uma provocação ao Sporting, mas que eu entendo que apenas se tratou de uma forma de JJ se defender das perguntas dos jornalistas acerca dos casos desse jogo.

Mas também não sou daqueles que acha que agora é que tudo vai ser bom, que vamos ganhar tudo, pois não há milagres no futebol, e todos sabemos a "lama" em que está mergulhado o futebol português em particular, bem como o futebol europeu e mundial no geral, onde o que manda é o dinheiro e os interesses da pior espécie.

Uma coisa eu tenho a certeza, Jorge Jesus irá transformar o futebol do Sporting para algo que já não estávamos habituados à muito tempo. Um futebol de ataque continuado, com muita gente a participar nas acções ofensivas, dinâmico e com muito maior interesse para quem assiste aos jogos, principalmente no Estádio de Alvalade.

Até o "mito" que JJ não aposta nos jovens portugueses, se irá desvanecer quando as pessoas perceberem de uma vez por todas que na Academia do Sporting existe gente de qualidade suficiente para satisfazer as exigências do técnico português, que não exitará em apostar naqueles que realmente têm qualidade acima da média. E são alguns... assim de repente estou a pensar em Gelson Martins por exemplo... embora seja evidente que o plantel actual, desde logo já apresenta muita juventude, e JJ terá que encontrar um equilíbrio entre experiência e irreverência.

Jorge Jesus também sabe como ninguém, que no Sporting é muito mais difícil vencer, desde logo porque não lutamos com as mesmas "armas" principalmente fora das quatro linhas e que a luta vai ser feroz. A isto não será alheio também o convite a Octávio Machado para integrar a estrutura de futebol leonina, pois trata-se de alguém que conhece como poucos, os "meandros" do futebol português.

Agora há que dar tempo ao tempo, e não partir para a crítica fácil aos primeiros desaires que possam acontecer. Por vezes os piores inimigos deste grandioso clube, estão mesmo no próprio clube.

Sem comentários:

Enviar um comentário

PES 2018 | Kits do Sporting CP 2017-2018

Como não encontrei em mais lado nenhum resolvi fazer os kits do Sporting e partilhar convosco. Não estão perfeitos, mas para já desenrascam....